Três Elementos Básicos da Esperança

Três Elementos Básicos da Esperança

Quando você acordou hoje, qual foi a primeira coisa que você desejou?

Para alguns, talvez, tenha sido uma noite de sono melhor. Um dia sem dor. Ou poder enfrentar um dia sem congestionamento no trânsito. Talvez você tenha pensado em se sair bem naquela apresentação no trabalho. Ou ainda, tenha apenas esperado que alguém tivesse preparado algo para o café da manhã.

Talvez, pela graça, você despertou querendo agradar ao Senhor com tudo o que iria pensar, falar e fazer nesse dia. Talvez você esperasse por oportunidades de encontrar alguém e poder testemunhar do amor de Deus aos perdidos e feridos.

Todos nós acordamos motivados por uma esperança. Os seres humanos não são como os animais, vivendo momento-a-momento por instinto. Não importa quem somos ou o que experimentamos, nós vivemos pela esperança.

Enquanto tenho estudado as Escrituras e aconselhado pessoas cheias ou vazias de esperança, conclui que existem três elementos básicos para que tenhamos esperança: avaliação, expectativa e objeto.

AVALIAÇÃO

A esperança começa quando eu e você avaliamos a nossa vida e chegamos a conclusão de que precisamos de ______ [preencha o espaço em branco] para ficarmos satisfeitos.

Essa avaliação pode ser precisa e verdadeira, fundamentada na Palavra de Deus e confirmada na experiência com Jesus Cristo. Ao mesmo tempo, nossa avaliação pode ser absurdamente enganosa, baseada em motivações pecaminosas e influências ímpias.

EXPECTATIVA

Quando avaliamos o que pensamos que precisamos, nasce a expectativa. Começamos a perseguir, cheios de esperança, meios de alcançar aquilo ou alguém.

Se eu avalio que ser saudável é o equivalente à felicidade, minha expectativa é a de que uma dieta ou uma rotina de treino (academia) irá resultar na minha felicidade. A mesma verdade vale para dinheiro ou sucesso na carreira. Se eu avalio, por exemplo, que a espiritualidade irá me trazer satisfação, então minha expectativa é de que Deus (ou alguma outra deidade ou religião) irá providenciar esse bem para mim.

OBJETO

Esperança só funciona, é claro, se nós temos alguma coisa ou alguém para nos entregar a felicidade e satisfação que estamos esperando. Nos exemplos acima, poderia ser a dieta, a academia, um cargo maior/melhor, ou a noção de espiritualidade.

Quando colocamos nossa esperança em um objeto que frustra a nossa expectativa, iremos perder a esperança ou culpar esse objeto por não ser tão bom quanto esperávamos. E se, pudéssemos colocar nossa esperança em algo que não pode falhar? Iríamos crescer cada vez mais em esperança e convicção.

Como Cristãos, sabemos a respostar: Jesus Cristo é nossa esperança!

Sim e amém! Nada poderia ser mais verdadeiro!

FALANDO FRANCAMENTE…

Mas, vamos ser honestos aqui? Eu sei que nem sempre dançamos no ritmo dessa música. Minhas avaliações podem ser equivocadas, minhas expectativas egoístas e meus objetos, muitas vezes, são outras coisas além do Senhor.

Eu gostaria de encorajar você à separar algum tempo e refletir com profundidade nas perguntas abaixo. Avalie a sua esperança (ou falta dela) e coloque novamente suas raízes na Palavra de Deus e na pessoa de Jesus Cristo.

Deus abençoe,

Paul Tripp

Perguntas para Reflexão

  1. Atualmente qual é a sua avaliação sobre aquilo que irá trazer paz de espírito e satisfação para você?
  2. Essa avaliação está enraizada na Palavra de Deus ou é influenciada pelo mundo?
  3. Como Cristo têm provado recentemente ser um objeto confiável de esperança?
  4. Como as coisas desse mundo recentemente provaram ser uma fonte pobre de esperança para a sua vida?

Texto bíblico sugerido para meditação:

1 Em ti, Senhor, me refugio; não permitas que eu seja envergonhado.
2 Salva-me e resgata-me, pois tu és justo. Inclina teu ouvido para me escutar e livra-me.
3 Sê minha rocha de refúgio, onde sempre posso me esconder. Dá ordem para que eu seja liberto, pois és minha rocha e minha fortaleza.
4 Livra-me, meu Deus, do poder dos perversos, das garras dos opressores cruéis.
5 Só tu, Senhor, és minha esperança; confio em ti, Senhor, desde a infância.
6 Sim, de ti dependo desde meu nascimento; cuidas de mim desde o ventre de minha mãe. Sempre te louvarei!
7 Minha vida é exemplo para muitos, pois tens sido minha força e meu refúgio.
8 Por isso, não deixo de te louvar; o dia todo declaro tua glória.
Salmos 71, NVT

Você pode ler a NVT (Nova Versão Transformadora) online no site da Editora Mundo Cristão: http://www.mundocristao.com.br


Por: Paul Tripp. © Paul Tripp Ministries. Website: https://www.paultripp.com/.
Extraído de 
Original: © Three Elements Of Hope. Wednesday’s Word. Todos os direitos reservados.
Tradução própria: Rodrigo Costa de Oliveira.
Tradução não oficial. Texto ampliado pelo tradutor com a citação bíblica dos Salmos.

Anúncios

Deixe aqui seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s